Anticoncepcionais de marcas genéricas são bons?

Por mais que sejam populares no mercado e os preços sejam convidativos, os medicamentos genéricos ainda geram alguma controvérsia. Por não ter o nome conhecido no mercado e sim a fórmula ou um título semelhante, a maior parte das pessoas tem uma relutância em usar medicamentos genéricos. O mesmo acontece sobre os anticoncepcionais. Seriam os anticoncepcionais genéricos seguros tanto quanto os de laboratório famoso e mais caros?

anticoncepcional genérico

Medicamento genérico é a mesma coisa que os demais

O medicamento genérico, seja ele qual for, contém a mesma fórmula, princípio ativo e dosagem que um medicamento tradicional, original, de marca. O que acontece é que ele não é vinculado a um laboratório famoso, não tem marca e por isso seu custo diminui, gerando a desconfiança. Afinal, quando um anticoncepcional custa R$ 60 e você pode comprá-lo por R$ 30 e com igual qualidade, todo mundo vai desconfiar mesmo, não? 

O anticoncepcional genérico é seguro e tem a mesma qualidade, eficácia e segurança de um anticoncepcional de marca. São usadas as mesmas dosagens e todos são supervisionados pelos órgãos responsáveis do setor, por isso é seguro sim ingerir medicamentos que não sejam tão caros e nem tão famosos assim.

Por que os genéricos estão no mercado?

A proposta do Governo Federal para permitir a entrada dos remédios genéricos no mercado é simples de entender e bem antiga. Imagine que um determinado laboratório criou um medicamento para uma doença. Ele tinha uma patente para isso, e apenas eles poderiam produzir. Patente são os direitos autorais sobre a não reprodução, ou seja, não se pode copiar e criar um igual. Por décadas, isso permitia ao dono do laboratório cobrar quanto quisesse pelo medicamento, pois ele também iria investir em publicidade e não teria concorrentes, já que apenas ele poderia produzir.

O Governo Federal, Organização Mundial de Saúde e outros órgãos envolvidos fizeram a quebra de patentes de medicamento, pois a saúde dependia disso. Ficou caro para o governo comprar e distribuir alguns medicamentos quando os donos dos laboratórios poderiam cobrar quanto quisesse. Também era caro para o consumidor ter medicamentos com aumentos significativos e a necessidade de os comprar.

A proposta então era não mais permitir que apenas um local produzisse, mas sim diversos laboratórios. Foi feita então a quebra de patentes, e laboratórios poderiam produzir a fórmula original e igual ao remédio de marca, mas com um custo bem menor para isso. Foi ai que surgiu o remédio genérico. 

Genérico não é similar

anticoncepcional genéricoPara ser genérico oficial, registrado pelos órgãos competentes e avaliados e depois disso é que ele pode ser comprado em qualquer farmácia. Mas o farmacêutico pode indicar a venda de um similar, mais barato ainda. Mas não é a mesma coisa.

Remédio similar é uma alternativa de tratamento vendida por um preço ainda mais baixo que o genérico. Possui uma fórmula diferente, mas com a mesma finalidade. O problema é que tais medicamentos não usam a mesma fórmula, por isso é comum a narração que um medicamento similar não fez efeito. Ainda há riscos de substituição e alergias aos medicamentos similares, já que não são os mesmos indicados pelo médico.

Quanto ao medicamento genérico com o símbolo oficial, podemos garantir que não há dúvidas: é a mesma coisa que um de marca. O anticoncepcional genérico vai prevenir contra a gravidez uma mulher que o ingerir corretamente da mesma forma que um de marca faria. Já quanto ao similar, pode haver dúvidas se vai funcionar ou se os efeitos colaterais serão mais graves e incômodos.

Alguns anticoncepcionais genéricos

Os  anticoncepcionais genéricos mais vendidos são o do Cerazette, Mercilon e Microdiol. Estão chegando mais, já que a lista de medicamentos para prevenir a gravidez conta com mais de 80 contraceptivos registrados no Brasil, dentre pílulas, injeções e adesivos.



Este site lhe foi útil? Clique no G+1. É muito importante pra nós. Obrigado!


Café Verde para emagrecimento RÁPIDO! - Clique aqui e veja o video!
Compartilhe com seus amigos...Share on Facebook

38 Comentários

  1. Daniele says:

    Eu tomava o uno ciclo original ums 6 anos e deichei de tomar ums 3 meses e no 4 mês troquei o unociclo o generico eu corro o risco de engravida

    • Lisana Pontes says:

      Sim. Existe o risco. Para não correr o risco de engravidar, o correto é usar camisinha durante o primeira cartela do novo anticoncepcional.

  2. Cristiane says:

    Olá eu tomo o anticoncepcional Nactali,aí fui na farmácia comprar não tinha e me disseram que tinha o genérico eu comprei que é o Desogestrel 75,eu tenho que me cuidar???corro risco de engravidar???

  3. Mayara says:

    Boa Tarde, iniciei este ano com o Yang 30 receitado pela minha ginecologista, porém mês passado ela me concedeu 2 caixas do genérico com nome de Elani, que tem a mesma composição de drospirerona 3 mg e etinilestradiol 0,03mg do yang 30 original, o qual eu dei inicio a esta cartela do elani normalmente após a pausa de 7 dias, gostaria realmente de saber se não tem problema nenhum prosseguir com esse anticoncepcional genérico da mesma conposição, e se não tem mesmo possibilidade de engravidar, tomei a cartela normalmente em seus dias,

  4. Talita says:

    Mudei de anticocepcional,comprei o genérico yasmim,contém 24 comprimidos,devo tomar normalmente?qual o tempo de pausa para mestruaçao?é seguro?

  5. alessandra reis.frazao says:

    O yaz generico muito bom, mesmo efeito. So.tomo ele .

  6. Helena says:

    Tomo o genérico a risco de engravidar?

  7. janaina says:

    Ola tomo anteconcepcional dalyne a nove meses quero mudar p generico dele pois queria saber se eu vo ter que esperar um mes p o organismo se acostumar ou continuo normal.

  8. Yasmin says:

    Mes passado tomei iume porém não tomei três comprimidos, em seguida comecei com a nova cartela sem da pausa, porém faz uma semana que estou menstruando bem pouco, gostaria de saber se isso é normal? Será que corri risco de engravidar?

  9. Carla says:

    Oi bom dia! Me chamo Carla e tomo o elani 28. Agora mudei para genérico do elani 21 ciclo. Para não menstruar. Só que minha menstruação está descendo. Como devo fazer?

    • Lisana Pontes says:

      Deve continuar tomando, essa irregularidade é um efeito colateral comum.

    • Maia says:

      Para você não menstruar, você tem q tomar as pílulas contínuas, ou seja, a cartela de 28 comprimidos.. o elani ciclo, de 21 comprimidos, é obrigado ter a pausa para a menstruação descer. Existe o elani genérico 28, sugiro q faça a troca.

  10. Nathalia says:

    Tomo o mesygina original e esse mês vou trocar pelo genérico tem risco de gravidez ?

  11. Daiane says:

    Olá… Eu tomo anticoncepcional Elani ciclo e resolvi tomar o genérico… no primeiro mês tenho risco de ficar grávida?

  12. mariacarina says:

    quisiera saber si nociclin es un una pastilla anticonceptiva confiable primera vez que las tomo ?? gracias

  13. Michele Gomes says:

    Olá, á um tempo atrás tomei o genérico do Yasmin do laboratório EMS q contém 21 comprimidos mais parei. Agora retomei a tomar anticoncepcional e meu marido comprou um genérico também do Yasmim, porém este vem com 28 comprimidos, mais este não me fez bem, estou tendo muito enjou e dores de cabeça… quero retomar o genérico do Yasmin da EMS com 21 comprimidos como faço para fazer está troca com segurança? E é normal essa variação de quantidade de comprimido para genéricos da mesma marca, porém laboratório diferentes? Grata

    • Maia says:

      Michele, as cartelas q possuem 21 comprimidos, são de anticoncepcionais ciclo, ou seja, tem aquela pausa para a menstruação descer. Já as cartelas q possuem 28 comprimidos, são de anticoncepcionais contínuos, ou seja, sem pausa para menstruação, para não menstruar nunca.

  14. Kamila says:

    Bom dia eu tomo o anticoncepcional PRIMEIRA 20 (cartela com 21 comprimidos). Sempre tomei a cartela com comprimidos ROSA e esse mês a cartela veio com comprimidos de coloração BRANCA. É a mesma coisa ? Mudou a formula ? É confiavel ?

  15. gisele says:

    Estou na 2ª cartela do Yaz e meu marido trouxe o genérico, e no 1º comprimido passei a noite inteira indo ao banheiro urinar… alguém passou por isto?

    • Caroline says:

      Oi gisele, eu comecei a tomar o Yaz há dois meses, por enquanto só tomei o original mesmo e ele tb me faz eu ir ao banheiro urinar muitas vezes a noite.

      • Paloma Guimarães says:

        Oie gatinhas, eu tomo o Yas.. Agora comprei o genérico, ele faz sim com que eu urine muitas vezes, não só durante a noite mas no dia tbm. Deve ser pelo efeito que ele exerce contra a retenção de liquidos!!

  16. mikaelly says:

    O genérico e o mesmo efeito do normal

  17. valdirene lopes says:

    Boa tarde.

    Tomo.a.perlutam.original e agora.comprei a generica ela corre o risco de ficar gravida

  18. michele says:

    ola eu tomava adoless no inico foi otimo tomei 4 cartelas e nesta ultima eu fiquei 10 menstruada entrei em contato com minha medica e ela mandou parar e tomar um antiemorragico indicado por ela, mandou eu esperar e começar um novo anticoncepcional com o nome de Lilas alguem ja ouvi falar nele?

  19. Estela says:

    Oii, tenho uma duvida. Eu estava tomando o Iumi original e troquei pelo genérico é necessária a pausa ou não ?

  20. jc says:

    Oi tomei bezetacil estou com medo de ter cortado o efeito do perlutan da minha parceirya

  21. cristina Ribeiro says:

    Gostaria de saber sobre perlutan. Pois me indicaram qlaira porém vi aqui no site oa efeitos colaterais e tenho muita enxaqueca. E procurei sobre perlutan e não encontrei.
    Obrigada

Deixe um comentário