Cuidados com a higiene íntima feminina

Você sabia que a maior parte das doenças na região íntima da mulher poderia ser evitada apenas com uma higiene íntima? Mesmo com uma boa quantidade de banhos diários, não tomar os devidos cuidados com a parte íntima da mulher pode causar sério doenças. Ela é suscetível a fungos e bactérias e alguns maus hábitos podem causar problemas sérios e doenças diversas, algumas com sintomas bem incômodos.

Um dos maiores maus hábitos das mulheres é usar calça jeans apertada demais. De vez em quando tudo bem, mas o uso constante pode causar corrimento vaginal. A falta de circulação de ar causa desconforto na região, e pode aumentar a produção de corrimento vaginal. É pura defesa feminina, mas pode causar outros problemas. Uma região íntima úmida demais é um terreno muito bom para a proliferação de fungos.

Não é preciso ferver água quente e usar no fundo da calcinha e nem passar com ferro para evitar doenças, como algumas mulheres mais velhas ensinam. Mas a higiene da calcinha é crucial para manter a higiene íntima. Se você não lava e nem deixa secar a lingerie, está montando um terreno fértil para fungos e bactérias. Uma dica é deixar secar ao sol para matar as bactérias e usar sabão neutro, lavando bem. Não use calcinhas úmidas, podem causar fungos. E se lavar durante o banho, nada de deixar lá secando. Leve ao sol ou sombra com calor.

Por mais útil que seja o sabonete íntimo, não deve ser usado o tempo todo. Ele remove uma boa quantidade de bactérias e seu uso exaustivo pode desequilibrar o PH da região, deixando o corpo mais propenso a receber bactérias e fungos. O mais indicado é usar uma vez ao dia. Mas como indicação, é um ótimo produto, em especial para quem passa muito tempo longe de casa e dos banhos. Há uma grande quantidade de bons sabonetes íntimos no mercado com valores até R$ 20, como Dermacyd, Íntimos Gel, Intimax e afins. Basta encontrar o aroma que mais te agrade.

O uso de absorventes constante para evitar sujar a calcinha não deve ser constante. Ele aquece a região e pode causar a proliferação de fungos e corrimentos.

Compartilhe com seus amigos...Share on Facebook

Um comentário

  1. Wanessa Silva says:

    Boa noite
    Fui diagnosticada com Gardnerella, a bacteria que causa essa doença pode ter alguma interação com o anticoncepcional elani ciclo 21?porque tive relaçao sexual sem camisinha com meu namorado quando ainda estava com essa doença, e o remedio para tratar metronidazol tem interaçao com esse anticoncepcional? meu ginecologista disse que nao mas fiz uma pesquisa e na internet em alguns site falam que tira o efeito e em outros falam que não, me ajude
    obrigada

  2. Jessica says:

    o medicamento metronidazol em creme pode interferir no meu anticoncepcional elani ciclo 21?

  3. Jessica says:

    Olá fui diagnosticada com candidiase, vou ao ginecologista somente semana que vem para saber os remedios que devo tomar, essa bacteria tem alguma interaçao com o anticoncepcional havendo perda de efeito? posso fazer sexo sem camisinha? e se fizer pode passar para o meu parceiro? estou perguntando se posso essa semana, antes de tomar os remedios para a melhora.
    Adorei o site, você faz um belo trabalho ajudando as pessoas.
    Aguardo uma resposta
    Abraço

  4. lu says:

    Ja tomo o selene a 3 anos, to no décimo primeiro do comprimido e tive um sangramento sangue bem vermelho e com pelotas d sangue estou preocupada pois tomo o anticoncepcional todo dia no mesmo horario e nunca tinha acontecido antes.

Deixe um comentário